Franco da Rocha
2 anos atrás

Campo do S.T.O: o berço dos futuros craques franco-rochenses

Campo do S.T.O: o berço dos futuros craques franco-rochenses

Se você perguntar para um grupo de garotos, o que eles desejam se tornar ao atingir a vida adulta e a resposta for jogador de futebol, isso não causará estranheza alguma. Em Franco da Rocha, não é diferente. São muitos e muitos meninos que sonham em se tornar o próximo Neymar, Messi ou Cristiano Ronaldo. E a garotada do município tem a chance de se desenvolver para alcançar esse sonho fazendo parte da Escolinha de Futebol de Campo da prefeitura.

Treinamento em campo histórico

Desde o ano de 2013, o campo do S.T.O, no Juquery, recebe semanalmente dezenas de garotos franco-rochenses em busca do sonho de virar um jogador de futebol profissional.

Ali, em um lugar que é um patrimônio histórico do município (o campo possuí mais de 80 anos), aproximadamente 100 jovens que fazem parte da Escolinha de Futebol de Campo, participam dos treinamentos comandados pelo professor Arthur Morelato e Ricardo Santos.

Os garotos, em sua maioria, surgem nos treinos trajando a camisa do seu time de coração, seja brasileiro ou europeu e se preparam para receber as orientações dos treinadores franco-rochenses. As turmas são divididas entre os meninos do sub-12 e o sub-16, entretanto, o treino é o mesmo para todos eles.

Nas terças-feiras é realizado o treino tático, físico e técnico, onde os jovens atletas aprendem o fundamento do futebol. “Pode vir um menino aqui que nunca jogou futebol que vai aprender pelo menos o básico. Aqui a gente treina o fundamento e o posicionamento deles dentro do campo”, explica o técnico Arthur Morelato, ex-jogador profissional de futebol, com passagens por times de Goiás, Nacional (SP) e também por times bolivianos.

Às quintas-feiras, dia preferido da molecada, é quando acontece o coletivo, onde os times são separados por coletes (em geral branco e laranja), onde as equipes são divididas e o futebol corre solto…ou quase, a cada lance equivocado, surge uma orientação dos treinadores atentos aos meninos.

Do atual elenco, os treinadores enxergam pelo menos cinco garotos com chances boas de vingar no futebol, um número considerado alto, pela dificuldade que é a profissionalização. “A gente vê aqui que tem uns meninos que são diferenciados mesmo, que estão acima da média e que podem ter um futuro no esporte”, explica Arthur.

Competição e conhecimento para a vida

Os garotos que se destacam no time, representam Franco da Rocha em torneios organizados pela Associação Paulista, da Associação Cuebla, entre outros. Os campeonatos só começam no segundo semestre, então as equipes ainda tem tempo para se preparar para as disputas.

Entretanto, Arthur Morelato ressalta que os jovens aprendem mais lições durante seu período na escolinha. “Mais do que jogar e vencer, é importante fazer esse trabalho, trazer os meninos até aqui para passar conhecimento, não só de futebol, mas de vida. Não deixar essa meninada com tempo ocioso, ficando em casa ou na rua, e poder colocá-los para praticar uma atividade física”, afirma.

O jovem João Pedro dos Santos, do sub-15, que vai disputar os torneios por Franco esse ano, espera conseguir realizar o sonho de ser um jogador de futebol. “Comecei a treinar campo tem pouco tempo, treinava bastante futsal. Agora eu tô me preparando melhor, pegando mais o jeito do campo e melhorando meu jogo. Estou fazendo tudo isso para estar bem pra jogar por Franco e, no futuro, me tornar um jogador profissional”, afirmou.

Da base para os Jogos Regionais

Com o passar dos anos e alcançando os 17 anos de idade, os atletas franco-rochenses da base tem a chance de passar a integrar a equipe sub-20 que disputa torneios importantes, como os Jogos Regionais.

A transição acontece naturalmente e os garotos deixam o treinamento com os primeiros treinadores, Arthur e Rodrigo e passam a atuar com o técnico Chico, responsável pela equipe principal do município.

Porém, alguns deles podem fazer um caminho diferente e ir para um clube profissional antes mesmo de passar para a seleção principal, como foi o caso de João Victor, garoto da base de Franco que atualmente atua no Paulista de Jundiaí.

Treino no campo do Parque Benedito Bueno de Morais

Além da base treinar no S.T.O, os jogadores que fazem parte do time de competição, agora começam a realizar o seu treinamento no campo do Parque Benedito Bueno de Morais, duas vezes por semana, às terças e quintas-feiras. Entretanto, os garotos das escolinhas também vão participar de atividades no local, disputando amistosos com os times de competição. “Aqui os times que vão para os campeonatos não treinam mais os fundamentos da base. Aqui os garotos já chegam com a noção. Então fazemos mais o treino tático e coletivo com eles”, explica Chico.

Horários dos treinamentos

Os interessados em inscrever seus filhos, ou parentes para iniciar a prática do futebol de campo devem ir até o CSU, dentro do Parque Municipal, levando cópias do RG, CPF, comprovante de residência, duas fotos 3×4 e atestado médico.

Confira abaixo os horários de treinos no campo do S.T.O

Terça – das 08h às 09h30 – Escolinha de Futebol – sub 12;

Terça – das 09h às 11h – Escolinha de Futebol – sub 16;

Terça – das 14h às 15h30 – Escolinha de Futebol – sub 12;

Terça – das 15h30 às 17h – Escolinha de Futebol – sub 16;

Quinta – das 08h às 09h30 – Escolinha de Futebol – sub 12;

Quinta – das 09h às 11h – Escolinha de Futebol – sub 16;

Quinta – das 14h às 15h30 – Escolinha de Futebol – sub 12;

Quinta – das 15h30 às 17h – Escolinha de Futebol – sub 16;

(Texto e foto: Thiago Lins)

Franco Notícias

O Franco Notícias é seu jornal online de Franco da Rocha, Caieiras, Francisco Morato, mairiporã, Jundiaí e região, além de conteúdos de saúde, economia, educação, esportes e entretenimento.

Vamos Bater um Papo?