Franco da Rocha
2 anos atrás

De portas abertas para a população, Biblioteca Municipal conta com mais de 2000 mil livros em seu acervo

De portas abertas para a população, Biblioteca Municipal conta com mais de 2000 mil livros em seu acervo

Muitas pessoas ainda não sabem, mas a Biblioteca Municipal Caio Graco da Silva Prado, que funcionava antigamente na Casa da Cultura, hoje está próximo da EMEB Roberto Meconi, ao lado do antigo prédio da Junta Militar, na Avenida dos Coqueiros, S/N.

A unidade conta com mais de 2000 mil livros em um acervo onde é possível encontrar literatura juvenil, brasileira e estrangeira, livros de psicologia, teatro e até em braile, entre outros, que se tornaram populares nos últimos anos.

Empréstimo de livros

Para pegar um livro basta ir até a biblioteca, fazer o cadastro com uma foto 3 x 4 e uma xerox do comprovante de endereço. No local é possível retirar um livro por vez, por sete dias, que pode ser renovado por mais sete.

A biblioteca também aceita doações de livro da maioria dos gêneros literários, com exceção dos didáticos, apostilas e dicionários. Para doar, basta comparecer ao local. Como requisito, é necessário que o livro esteja em bom estado.

Responsável por dar orientações para as pessoas que procuram por um livro, a bibliotecária Sônia Duarte D’ Ambrosio crê que mesmo com o meio digital tomando conta a biblioteca nunca vai morrer. “Algumas pessoas querem pegar o livro e mostrar para as crianças, não querem pelo computador, pois a sensação de ver o livro, pegar, folhear, faz pessoa viajar na imaginação”.

Sônia revelou os livros mais procurados no local. “O público gosta muito de literatura estrangeira, mas temos muita saída de Crepúsculo, A Cabana, e um autor muito procurado aqui é o Augusto Cury. Além disso, o pessoal gosta bastante de Marley e eu, entre outros”.

Segundo a bibliotecária o público infantil está crescendo ultimamente. “Creio que alguns pais estão incentivando mais os filhos, para deixarem o computador um pouco de lado e lerem um livro. É bom trazer as crianças na biblioteca, elas conhecem um novo mundo. Ainda tem gente aqui com 12, 13 anos que vem e nunca tinha entrado em uma”, explica.

A profissão de bibliotecário também foi destacado por Sônia, que está no meio há mais de 20 anos. “É um profissional que organiza a biblioteca, monta a reestruturação quando necessária, passa muitas informações aos funcionários. A pessoa fica mais no acervo, para organizar ele e fazer a catalogação, classificação, tombamento, além de saber o livro que está entrando na biblioteca, é a pessoa que cuida da biblioteca, organiza e incentiva a pessoa a ler”.

Quando uma pessoa chega em busca de um livro e não encontra, Sônia não deixa a pessoa sem uma segunda opção. “Se não tiver o livro aqui a gente incentiva a pessoa a sair com, pelo menos, um”.

Vale ressaltar que a unidade está vinculada à Secretária de Cultura Esporte e Lazer de Franco da Rocha.

(Texto: Ewerton Geniseli – Foto: Orlando Junior)

Franco Notícias

O Franco Notícias é seu jornal online de Franco da Rocha, Caieiras, Francisco Morato, mairiporã, Jundiaí e região, além de conteúdos de saúde, economia, educação, esportes e entretenimento.

Vamos Bater um Papo?