Economia e sustentabilidade: Câmara de Franco da Rocha instala caixas para captar águas das chuvas

Economia e sustentabilidade: Câmara de Franco da Rocha instala caixas para captar águas das chuvas
foto: divulgação / Imprensa Camara Franco da Rocha
Publicado por Redação Franco Notícias no dia 14/02/2015 em Franco da Rocha

Precavendo-se diante de uma situação cada vez mais drástica e crítica concernente ao abastecimento d’água, a Mesa da Câmara determinou a instalação de dois tanques em polietileno com capacidade para armazenar 10 mil litros cada. As caixas, como popularmente são chamadas, foram assentadas de maneira estratégica, em cada uma das extremidades dos fundos do prédio sede do Poder Legislativo.

Evitando dificultar as instalações, foi decidido que as caixas ocupassem o próprio solo como base de sustentação. Quando cheio, cada tanque pesa 10 490 quilos. O diâmetro mede 2,21m e a altura alcança 2,88m.

De acordo com Toninho Lopes, o fator economia é a principal justificativa do investimento.

“Com a captação da água da chuva, vamos economizar muito, baixando o uso de água potável em atividades corriqueiras como limpezas e descargas nos banheiros, por exemplo. Colaboraremos com a natureza e reduziremos o custo na conta que é paga com o dinheiro do povo que é sagrado”, avalia o presidente da Câmara.

Como essa água será só para fins não potáveis, a recomendação é que seja usado cloro de origem orgânica (cloro usado em piscinas) para evitar qualquer tipo de proliferação de bactérias, germes, vírus, etc. “Estamos atentos a todos e quaisquer riscos que eventualmente possa ocorrer a partir do armazenamento d’água”, tranquiliza.

DADOS

A superfície do nosso planeta é composta por 70% de água. Essa água tem um ciclo natural, que começa com sua evaporação, formando as nuvens que depois vão retornar para a terra através das chuvas. Porém, de toda água existente no planeta, 97,5% estão nos oceanos e dos 2,5% restantes, 1,5% estão nos pólos (geleiras e icebergs), ficando apenas 1% disponível para nosso consumo, sendo que a maior parte esta em leitos subterrâneos, atmosfera, plantas e animais. Atualmente usamos para nosso consumo as águas de nascentes, lagos, rios e extrações de leitos subterrâneos, os aquíferos.

Com a poluição cada vez maior do ar, da terra, das nascentes, dos lagos, dos rios e dos oceanos, essas águas estão ficando contaminadas, exigindo uma enorme preocupação para sua preservação, pois sem água natural a vida como conhecemos não tem como existir.

Deixe seu comentário:

+ Ecologia

Tags:, , , , , , , , , , , ,