Tecnologia
5 anos atrás

Independência ou morte, solte seu grito

Independência ou morte, solte seu grito

Não, não vou escrever sobre o “Grito do Ipiranga”, ainda que ele mereça todo nosso apreço. O tema é outro!

Quando se fala sobre “independência” logo se deduz que algo ou alguém é dependente de alguma coisa ou de outra pessoa e, nessa poucas linhas, quero te fazer meditar sobre a “ciberdependência”, você já ouviu falar nela?

Antes de continuar pense: Quanto tempo, após acordar, você demora para pegar seu smartphone e verificar suas redes sociais?

Pois é, procurei uma definição do termo mas não cheguei a uma conclusão, alguns dizem ser a compulsão diante de computador, tablets e smartphones especialmente quando utilizados junto com a internet e, como compulsão, alguns autores entendem como ficar mais de seis horas ligados nesses aparelhos em um único dia. Existem opiniões diferentes e não vou entrar no mérito da questão.

Quem não se lembra da “febre” do Counter Strike? Época em que as Lan houses viviam lotadas e funcionavam 24 horas por dia?

Hoje o cenário é outro, em qualquer lugar é facílimo ver grupos de pessoas que, reunidas fisicamente, estão alheias entre sí. Preste atenção quando você estiver em uma praça de alimentação, no transporte coletivo, nas ruas, festas e tantos outros lugares, observe-nas em grupo ou sozinhas, veja como elas estão. Provavelmente grande parte delas estará “interagindo” com seus smartphones.

Em geral as pessoas tendem a negar a dependência de qualquer coisa, parece que isso as tornam frágeis e diminuidas em relação ao seu semelhante. Entretanto, reconhecer o problema é o primeiro passo para resolvê-lo. Se você sentiu que esse artigo diz respeito diretamente à você, se já tem noção do problema, se já pensou sobre o assunto, ótimo!!!

Você está no caminho da sua Independência.

Veja que existe vida além da internet e das redes sociais. Crie, ou retome, sua rede de amizade pessoal, interaja com pessoas, sorria, toque, brinque. O contato “olho no olho” certamente fará os laços de amizade crescerem e se fortalecerem.

E especialmente se você, assim como eu, tem filhos, tenha certeza que o seu tempo com eles é muito mais precioso que o smartphone de última geração, beije-os, abrace-os, dedique tempo a eles e depois diga a você mesmo se seu tempo foi ou não muito melhor aproveitado.

“Independência ou morte!”, solte seu grito.

Franco Notícias

O Franco Notícias é seu jornal online de Franco da Rocha, Caieiras, Francisco Morato, mairiporã, Jundiaí e região, além de conteúdos de saúde, economia, educação, esportes e entretenimento.

Vamos Bater um Papo?