Educação
3 anos atrás

Professores refugiados ministram cursos extensivos de línguas e culturas na BibliASPA

A BibliASPA – centro de pesquisa e cultura que impulsiona a reflexão sobre os povos árabes, africanos e sul-americanos, e atende diversos refugiados – abriu as inscrições para os cursos extensivos de línguas e culturas ministrados por professores refugiados. As aulas se iniciam no dia 13 de agosto, para os alunos que optarem por cursar aos sábados, e no dia 16 de agosto para aqueles que cursarem durante a semana; e vão até 9 de dezembro de 2016. As inscrições podem ser feitas até 13 de agosto.

São sete possibilidades de cursos, de nível básico ou intermediário, com opção de escolha entre aulas de língua francesa e cultura africana, ministradas por um professor senegalês; língua francesa e cultura árabe, por um professor marroquino; língua francesa e cultura haitiana, com um professor haitiano; língua inglesa e cultura africana, com um professor camaronês; língua inglesa e cultura árabe, com um professor sírio; língua e cultura árabe, por professores palestino e sírio; ou língua espanhola e cultura sul-americana, com uma professora chilena.
biblaste
Há diversas opções de horários: às terças e quintas-feiras, das 17 às 19 horas ou das 19h30 às 21h30; às quartas e sextas-feiras, das 17 às 19 horas ou das 19h30 às 21h30; e aos sábados, das 10 às 12 horas, das 12h30 às 14h30, das 14h30 às 16h30 ou das 16h30 às 18h30.

A designer de moda Verena Moraes, de 28 anos, está participando do curso intensivo de férias na BibliASPA, onde frequenta as aulas de francês básico com cultura marroquina, e está satisfeita com a sua escolha. “Eu amei a proposta. A ideia de imersão cultural mesclada com o aprendizado da língua foi muito boa. Nós vimos mapas, vídeos, aprendemos as diferenças culturais dentro do Marrocos, ouvimos músicas e agora vamos aprender a fazer um prato típico, que é o Tajine de Poulet. Tenho interesse, agora, de participar do curso extensivo”, afirmou a jovem.

A estudante Geovanna Venâncio, de 17 anos, também ficou animada com o curso intensivo de inglês com cultura africana, de que participa na BibliASPA. “Achei incrível o projeto. É uma ideia diferente e eficaz de se estudar as línguas. Aqui a gente é instigado a falar no idioma. Meu nível era básico e eu me sentia muito travada para conversar em inglês, mas agora estou mais segura”, disse. Segundo Geovanna, na próxima semana, seu professor camaronês ensinará um pouco da gastronomia local com o prato Rice and Beans.

Assim como nos cursos intensivos de férias, as aulas do extensivo serão interativas e incluirão práticas de culinária típica de cada região, noções de literatura e música e, em alguns cursos, palestras de arqueologia e história com especialistas. Por serem refugiados, os professores possuem profundas vivências das culturas de seus países e poderão, com propriedade, transmiti-las aos participantes. Todos os docentes possuem formações acadêmicas e passaram por um rigoroso processo seletivo e treinamentos na BibliASPA antes de serem escolhidos para lecionar.

O investimento é de R$700 à vista, ou 2x de R$375, pelo semestre. No preço da inscrição está incluso o material didático, que engloba textos, áudios e vídeos, elaborado pela BibliASPA e utilizado em edições anteriores dos cursos realizados pela entidade.

Para fazer inscrições e obter outras informações adicionais, basta acessar o link: https://bibliaspa.org/2016/07/15/inscreva-se-nos-cursos-extensivos-de-idiomas-e-culturas-ministrados-por-refugiados-na-bibliaspa/.

A BibliASPA é um centro de pesquisa com ampla experiência no estudo de culturas africanas, árabes e sul-americanas, que possui um núcleo pedagógico, onde reúne professores brasileiros e estrangeiros renomados, focados na docência e pesquisa, além de oferecer apoio e suporte para os refugiados interessados em se integrar na sociedade brasileira.

Franco Notícias

O Franco Notícias é seu jornal online de Franco da Rocha, Caieiras, Francisco Morato, mairiporã, Jundiaí e região, além de conteúdos de saúde, economia, educação, esportes e entretenimento.

Vamos Bater um Papo?